Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 12 de Janeiro, 2005

bloggers sem fronteiras

Informao feita por no-profissionais, respeitando a formatao jornalstica, mas claramente com intencionalidade activista relativamente a determinados assuntos – jornalismo cvico, com mais um exemplo lanado por bloggers: “Bloggers without borders“.

Encontrei a informao aqui.

Read Full Post »

JD Lassica, um dos mais antigos e conceituados bloggers, est envolvido num projecto de criao e partilha de contedos mediticos produzidos por indivduos.
Com objectivos no comerciais, o “Ourmedia – the Global Home for Grassroots Media” tem por parceiros o Internet Archive, o Bryght, a Creative Commons e a Wikipedia.
A estreia est marcada para o final deste ms.

Read Full Post »

bloggers acusados pela apple tentam proteger-se com o jornalismo

A Apple tenciona processar os autores de trs blogs para que estes divulguem a fonte que lhes permitiu ter acesso a documentos sobre a estratgia de mdio prazo da empresa.
– O caso relevante porque envolve uma empresa icnica – a Apple;
– O caso relevante porque envolve, uma vez mais, a antecipao dos blogs na divulgao de factos com carcter marcadamente informativo;
– O caso – sobretudo – relevante porque vai ajudar-nos a perceber se nos Estados Unidos os bloggers podem vir a aspirar a algum tipo de enquadramento legal semelhante ao que conferido aos jornalistas.

PS: Numa nota mais leve, aqui ficam curiosas vises dos ‘Mac-junkies‘ e dos ‘outros‘.

Read Full Post »

jornalismo colaborativo – parla

Percorrendo os comentrios do Jornalismo e Comunicao cheguei at Ana Maria Brambilla que, por sua vez, me deu a descobrir um projecto brasileiro de jornalismo colaborativo nascido h cerca de uma semana – o Parla.
Importar no perder de vista o exemplo.

Nota: A deambulao blogosfrica, como aqui foi exemplificado, continua a ser fonte de enorme fascnio mas tambm de permanente preocupao. H caminhos que no se recuperam e ideias que s nos acompanharam por instantes.

Read Full Post »

a blogosfera nacional em 2004

semelhana do que j havia feito em 2003, Leonel Vicente terminou, bem em cima do virar do ano, mais uma leitura muito pessoal da evoluo da blogosfera nacional.
Leitura muito interessante para quem quiser saber que cho pisa e, sobretudo, extremamente til para quem tenta estudar o fenmeno.
O ano de 2003 est aqui.
O ano de 2004 est aqui.

Read Full Post »

decifrar sondagens – novo blog

O ttulo deste post (que indecentemente prova uma das ideias ontem tocadas por Joaquim Fidalgo na sua passagem pelo Jornal das Nove, na SIC-Notcias) algo falacioso.
O blog de que falo centra-se, de facto, na anlise de sondagens – e por isso se chamar ‘Margens de Erro’ – mas (e aqui estar a pequena falcia) j no novo.
Eu que ando distrado.
O blog mantido por Pedro Magalhes, investigador do Instituto de Cincias Sociais da Universidade de Lisboa e responsvel pelas sondagens eleitorais do Centro de Sondagens e Estudos de Opinio da Universidade Catlica.
A visita regular pode ser-nos muito til nos tempos que se avizinham.

Read Full Post »

agradecimento

Os responsveis pelo weblog.com.pt fizeram do Atrium o blog da semana’ na sua pgina inicial.
Ao Paulo Querido, ao Luis Ene e restante equipa (o link para a Guida Querido parece no funcionar) agradeo a amabilidade.

Read Full Post »

Porque no aqui?

O Institute for Interactive Journalism, da Universidade de Maryland, apoiado pela Fundao John S. e James L. Knight ps em marcha um programa pioneiro de promoo de novos projectos na rea do jornalismo comunitrio.
O programa chama-se “New Voices” e est aberta a porta a candidaturas, at ao dia 17 de Maro.
E ns, ao que andamos?

Encontrei a sugesto aqui.

Read Full Post »

O Pew Internet Project publicou, h trs dias, um novo documento sobre o futuro da internet. Intitulado, precisamente, “The Future of the Internet“, o texto resulta das respostas de cerca de 1300 peritos, analistas e acadmicos a um questionrio detalhado.
H a confirmao de algumas ideias-fora j muito visveis:
– o potencial para maior vigilncia governamental das actividades individuais;
– a generalizao de formas de partilha de conhecimento virtuais (com as ‘turmas’ a poderem vir a ser organizadas de acordo com os interesses dos alunos e no com a sua idade);
– a diminuio das linhas de fronteira entre a aprendizagem, o trabalho e o lazer;
…mas h tambm algumas consideraes mais especficas que me parecem relevantes. A que mais me chamou a ateno foi a da percepo sobre o nvel de mudana que a net vai trazer a algumas reas da nossa vida em comum na prxima dcada.
Assim, partindo de uma escala de 1 a 10 (em que 1 representa ‘mudana nenhuma’ e 10 representa ‘mudana radical’), os especialistas atribuiram 8,46 s organizaes ligadas publicao e informao. Logo a seguir – como rea que potencialmente mais vai mudar por causa da net – surge a Educao (com 7,98) e o emprego (7,84).
Curiosamente (ou talvez no) as reas que, segundo os especialistas, devero ser menos alteradas por influncia da net so a Religio (4,69), as relaes de vizinhana e de comunidade (6,16) e as famlias (6,24).
Certamente material para leituras bem mais aprofundadas.

Read Full Post »